3 de ago de 2011

LUA

Caio Martins















(img: autorittrato damaride marangelli)

Séria surges
quando não mais te esperam
e vens detrás de olhos verdes
rubra boca vestida de festa.

E mentes, inventas
impudica, descarada
oscilando enfáticos seios
cabelos longos, longos
braços e pernas
noturna praia úmida
ávida de despojos...

Que desperdício de cenário!

Pensar que bastaria um só sorriso
(mesmo que não viesses nua)
e não naufragarias nas armadilhas
de meu amar promíscuo
tão frágil
tão precário...

(em "mulher, imagens e poemas" - 1999 - fundação pró-memória s.c. do sul)

Categorias, temas e títulos

Seguidores